h1

Inovando em Gestão de Recursos Humanos

25/04/2009

O Artigo de Santos (2004), contextualiza sobre as transformações sócio-econômicas que as empresas vem enfrentando, que porventura as mesmas acabam tendo que alterar o modo de gestão do recursos humanos. Mas é evidente que a discussão sobre a valorização do fator humano nas empresas e a sua aplicabilidade na prática, nem sempre conseguem se difundir no sistema econômico adotado pelas empresas. O artigo tem o intuito de refletir sobre os pressupostos teóricos e as práticas desenvolvidas pelas empresas.

Para que as empresas se estabeleçam no mercado competitivo, é importante que possuam capacidade de se adaptar as mudanças e inovar. As vantagens competitivas não estão apenas ligadas a fatores econômicos, mas dependem de como as empresas se planejam estrategicamente e aplicam seu modo de gestão nos processos produtivos. Portanto as empresas tiveram que reestruturar seus modos de gestão para poderem se estabelecer no mercado e garantir maior desenvolvimento da mesma.

As empresas devem criar condições para que se estimule a inovação e a criatividade. Através da inovação e da criatividade que as empresas podem agregar maior valor ao produto. Se a empresa conseguir aplicar esse conhecimento, além de obter lucro vai haver mais comprometimento, pois o colaborador vai se sentir como parte do processo e valorizado ao ver que a empresa utiliza suas idéias e que consegue obter ganhos econômicos. Para a empresa gerenciar esse conhecimento é indispensável elaborar um modo de gestão que tenha uma estrutura capaz de disseminar essa proposta.

Mas para mudar a estrutura é necessário que se estimule essa mudança em todos os colaboradores. Sendo que para os colaboradores poderem contribuir com o processo devem-se deixar claros os objetivos que se pretendem alcançar Pois se os colaboradores não cooperarem para com esse processo, fica difícil atingir o objetivo almejado. Para estimular essa mudança a empresa deve ressaltar que as pessoas são fundamentais para o desenvolvimento da empresa, pois a mesma depende da competência das pessoas que trabalham nela. Após desenvolver um trabalho de conscientização com toda a organização o novo modelo de gestão pode ser alavancado.

A estrutura do modelo de gestão conforme explicita a autora deve abarcar o desenvolvimento do capital humano, estrutural e relacional. No desenvolvimento do capital humano não se leva em conta apenas a formação, as aptidões, os objetivos organizacionais, mas também um envolvimento nas estratégias organizacionais, mas para isso é necessário que a empresa proporcione condições para que se desenvolva a inovação e a criatividade. O desenvolvimento estrutural ressalta que a empresa forneça uma estrutura que instigue a criatividade individual para que esta compartilhada entre a equipe, contribuindo para aprendizagem do todo. O desenvolvimento do capital relacional implica em desenvolver trocas de informação e conhecimento entre outras organizações. A partir dessa interação as empresas vão poder compartilhar idéias e com isso poder trazer melhorias e inovações. Conseguindo desenvolver esses três conceitos as empresas vão criar condições para que se viabilize a inovação e a criatividade. Mas para aplicar esses conceitos o gestor deve ter a capacidade de conduzir as pessoas com sensibilidade e flexibilidade para absorver conhecimentos e informações e poder aplicá-los na prática.

Após essa breve contextualização sobre os métodos a serem aplicados na gestão de recursos humanos, a autora enfatiza que na prática isso é aplicado a uma parte restrita de pessoas. As empresas acabam investindo em muitos casos em tecnologia, mas esquecem de investir nas pessoas, deixando de analisar os ganhos que pode ter como: aumento de produção comprometimento, menos rotatividade, diminuição de absenteísmo além da satisfação dos colaboradores.

É de vital importância que as empresas invistam no recursos humanos não apenas na qualificação de atividades operacionais, que mas que o mesmo tenha competências para poder criar e inovar. Para tanto o gestor precisa desenvolver um trabalho que consiga absorver os conhecimentos e poder aplicá-los em atividades concretas. Mas para desenvolver esse trabalho é fundamental que a empresa tenha tempo e espaço para o desenvolvimento das competências, pois muitas vezes ocorrem fatores que dificultam a criatividade como a rotina e as atividades burocráticas. Sendo que pode ocorrer que a empresa não estimule a inovação e a criatividade, pois não faz parte de sua política interna.

A gestão de recursos humanos, na prática acaba desenvolvendo mais trabalhos segmentados, ou seja, controle de pessoal, cartão ponto, folha de pagamento ao invés de trabalhar em nível estratégico, desenvolvendo o todo. Em muitos casos as empresas perdem tempo em atividades que poderiam ser terceirizadas, diminuindo assim o custo e facilitar as atividades de nível estratégico. Geralmente nas empresas, o setor de recursos humanos acaba sendo uma parte separada dos demais setores, pois na verdade deveria se trabalhar os setores de maneira integralizada, para estimular a troca de idéias. Sendo que sem pessoas a empresa não funciona, para que a mesma progrida é necessário que as pessoas se desenvolvam. Para tanto, as empresas precisam investir mais nas pessoas, ou seja, investir em treinamento constante, em programas de qualidade de vida, educação continuada, programas de desempenho e recompensa, para que a mesma consiga se desenvolver e permanecer no competitivo mercado de trabalho.

SANTOS, Maria João Nicolau. Gestão de recursos humanos: teorias e práticas. Porto Alegre, n,12 , jul./dez. 2004.

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: